Solução definitiva contra a COVID-19? (Só que não)

Vimos no Twitter que muitas pessoas têm altas expectativas com o anúncio feito em 15 de maio pela empresa norte-americana Sorrento Therapeutics de que teria encontrado um anticorpo que seria 100% eficaz contra o novo coronavírus. Conforme a própria empresa informou no release enviado a jornalistas, trata-se de um estudo in vitro (ainda em laboratório, sem ter passado pelas etapas de testes em animais e humanos) e ainda não passou pela avaliação no escopo da comunidade científica (revisão por pares).

A equipe de COVID-19 DivulgAÇÃO Científica consultou Fernando Spilki, presidente da Sociedade Brasileira de Virologia, que respondeu:

“Não é a primeira vez durante esta crise que experimentos ou descobertas em estágios muito iniciais levaram à flutuação ou de ações de empresas ou da cotação do dólar ou outras moedas. O mesmo aconteceu com o remédio Redemsivir. É preciso que as pessoas entendam que é necessário ter calma e que se mantenham os parâmetros normais da boa ciência para que tenhamos soluções – não apenas uma solução – mas sim diversos fármacos e imunobiológicos para enfrentar essa crise. É preciso seguir os parâmetros normais de fazer ciência com comprovação. No caso de terapias, é fundamental que se tenham resultados relativos a experimentos em animais e em seres humanos para que se tenha absoluta certeza do que deve ocorrer. Todos nós estamos muito preocupados e todos nós estamos atrás de uma solução definitiva para essa crise. Mas não vamos conseguir solucionar nada com notícias de estudos preliminares. Repito: é necessário que se faça boa ciência.”

COVID19 #novocoronavirus

Release da empresa: https://investors.sorrentotherapeutics.com/news-releases/news-release-details/sti-1499-potent-anti-sars-cov-2-antibody-demonstrates-ability

Responda

%d blogueiros gostam disto: